Descoberta

Bodas de papel
ideias criativas para comemorar

As bodas de papel representam o primeiro ano de casamento, uma data que pra sempre ficará na memória. Confira dicas de como comemorar esse momento especial.

Casal abraçado e rindo, com um violão ao lado. foto: Dream Image

Início de uma linda história

O primeiro ano de casamento vem recheado de emoções, aprendizados e descobertas. Depois do grande dia, de dizer o tão esperado “sim”, o casal embarca em uma jornada muito única e particular, que envolve conexão e adaptação a essa nova realidade. É o começo de uma longa história que o casal vive e constrói junto, por isso as bodas de papel ganham tanto significado, afinal, é o primeiro marco dessa jornada.

Casal alegre com rostos aproximados.
Unsplash

Por que “bodas de papel”?

As bodas de casamento iniciam com um símbolo frágil, delicado, mas sugestivo para o início da história que o casal começa a escrever junto: o papel. Na mesma lógica das bodas, a relação ganha resistência com o tempo, começa de um lugar em que ainda há muito a aprender e descobrir. Apesar disso, esse processo pode ser muito bonito, ao passo que as duas pessoas crescem juntas, constroem juntas e fortalecem cada vez mais sua parceria.

Casal sentado no chão com almofadas, em ambiente à luz de velas.
Pexels

Primeiro ano com muita emoção

A Gabi e o Cadu casaram em 2019 e alcançaram as bodas de papel, certamente, com muita aventura. Eles moram na Alemanha, e suas famílias no Brasil, mas cada uma em um estado diferente – a da Gabi no Rio Grande do Sul, e a do Cadu no Paraná. Pra resolver essa equação, o casamento foi no meio do caminho: em Santa Catarina.

Depois do casamento, eles voltaram pra Alemanha com alguns desafios que envolviam terminar um mestrado (do Cadu), se mudar de estado, procurar uma casa e um emprego, além de algumas surpresinhas que aconteceram no meio do caminho, como o braço que a Gabi quebrou de maneira a precisar fazer uma cirurgia bastante delicada. Dá pra dizer que foi bastante emoção para um primeiro ano, apesar de toda a novela que já tinham vivido para ficarem juntos – mas isso é história para um outro post.

Convidados soprando bolinhas de sabão em casal na saída do seu casamento.
Gabi e Cadu (foto: Dream Image)

A Gabi contou um pouco pra gente como foi essa experiência para ela e pro Cadu, que celebraram as bodas de papel em setembro: “Normalmente a gente imagina que o primeiro ano de casados é um conto de fadas. Pra gente foi o ano mais difícil das nossas vidas, realmente desafiador. Mas isso fez a gente ficar ainda mais próximos. As coisas difíceis que aconteceram nunca foram um problema pra nossa relação, na verdade, a nossa relação foi a solução. Por isso, foi uma data super importante, a gente queria muito comemorar esse ‘ter um ao outro’.“.

Casal sentado no chão da cozinha, sorrindo de frente um para o outro.
Gabi e Cadu (foto: Dream Image)

Como comemorar as bodas de papel?

Depois de viver tanta coisa nova, nada mais justo do que querer fechar esse primeiro ano de casados de uma maneira especial. Separamos aqui algumas ideias para comemorar as bodas de papel, mas a dica mais importante é que seja feito da forma que o casal mais se identifique, que faça sentido e, acima de tudo, tenha significado para ambos. Isso porque, às vezes, não precisamos de ideias mirabolantes para fazer algo realmente especial, e as coisas mais simples já podem surpreender muito.

Jantar

Um jantar é uma boa oportunidade para o casal separar um tempo para curtir junto e relembrar de tudo que passaram no último ano: o que aprenderam, o que descobriram, o que superaram. E uma comida boa é perfeito pra acompanhar esse momento. O jantar pode ser em um restaurante legal, em um espaço que seja importante para o casal, para, quem sabe, reviver o primeiro encontro ou voltar no lugar onde foi feito o pedido de casamento – a noite ganharia ainda mais valor. Pode também ser feito em casa, para cozinharem juntes e estender a comemoração durante todo o processo de preparo, com uma playlist ao fundo tocando músicas do casal. São coisas simples que tornam tudo mais especial.

Casal cozinhando juntos na cozinha.
Unsplash

Reunião com pais, padrinhos e madrinhas

O casal pode querer também planejar um evento que reúna as pessoas mais importantes e que tiveram presentes durante sua história. Juntar os pais, padrinhos e madrinhas é um ótimo jeito de marcar e comemorar as bodas de papel. Seja uma festa ou só uma jantinha, o que importa é que seja um momento de agradecer e celebrar essa jornada que está só começando.

Amigas reunidas em volta de uma mesa com comida.
Unsplash

Viagem

Se o casal preferir experenciar a comemoração de forma mais prolongada, uma viagem pode ser o ideal. É a oportunidade perfeita para curtir, relembrar e conhecer novos lugares em conjunto. Pode ser para um destino que sempre sonharam ou podem até revisitar o destino da lua de mel, acrescentar novas paradas e fazer uma viagem à altura de tudo o que já viveram.

Casal no topo de uma montanha, com uma vista para a cidade.
Unsplash

Ensaio fotográfico para bodas de papel

Essa dica talvez possa acompanhar alguma das outras ideias. Fazer um ensaio fotográfico é legal para marcar e registrar essa data pra vida toda. É um jeito de congelar o momento que o casal vive, porque, assim como o amor, uma foto pode demonstrar muito sem ser necessário que se diga algo.

Casal abraçados e sorrindo em ambiente externo.
Gabi e Cadu (foto: Dream Image)

Presente criativo

Um presente criativo e personalizado, ou até uma surpresa, também é uma boa sugestão para celebrar as bodas de papel. Aqui, a criatividade será uma ótima aliada para planejar algo com muito significado, pensando em tudo o que o casal já viveu para encontrar uma maneira única de demonstrar o que se sente.

A Gabi seguiu essa ideia na hora de pensar na comemoração das bodas de papel com o Cadu. “Eu preparei tudo pra reproduzir a sensação do dia do nosso casamento, porque foi um momento tão especial que eu queria trazer um pouquinho do que a gente sentiu naquele dia“.

Pra isso, a Gabi começou a surpresa fazendo um Save The Date só para o Cadu, para lembrar que a data estava chegando. Ela enviou pelo correio para o endereço deles, sabendo que o Cadu encontraria, porque é ele que sempre checa a caixinha.

Save The Date para bodas de papel.

Como ela gosta muito de cozinhar, o plano inicial era refazer o cardápio do casamento, com todas as comidas e docinhos que eles escolheram para a festa, lá em 2019. O que não estava nos planos é que a Gabi quebraria o braço novamente (sim, de novo e o mesmo braço que tinha quebrado uns meses atrás) menos de duas semanas antes da data das bodas de papel. Com esse toque a mais de emoção, foi preciso adaptar, mas isso não impediu da noite ser especial como os dois tanto queriam. Talvez tenha sido mais incrível ainda, porque eles fizeram tudo acontecer juntos.

Gabi e Cadu sorrindo enquanto olham para a foto, com taças de vinho na mão.

Para preparar tudo, eles colocaram ao fundo as músicas que mais marcaram sua trajetória e que (claro) também estavam presentes na festa. Assim como no casamento, teve sushi e uma tábua de queijos e antepastos, além de um waffle salgado pra acompanhar. Na ideia inicial, a Gabi tinha planejado fazer os três docinhos preferidos do grande dia. O braço quebrado dificultou um pouco, mas, no improviso, ela ainda conseguiu fazer o de café – o preferido do Cadu.

Mesa com tábua de queijos, waffles, duas taças e uma vela.
Jantar de bodas de papel da Gabi e Cadu

Com tudo pronto, os dois coroaram a noite assistindo ao vídeo do dia do casamento, relembrando seus votos e tudo o que teve de mágico naquele dia. Foi uma ideia simples, mas pensada com carinho, que teve muito significado para os dois e tornou a comemoração ainda mais emocionante. Com toda certeza, ficará na memória, e celebrar o amor é justamente sobre isso.

| 14/10/2020