Organização

Como organizar um casamento
sem esquecer de nada

Agora que a data do casamento foi marcada, chegou a hora de organizar o grande dia. Confira algumas que separamos para você:

Agora que a data da festa foi marcada, chegou a hora de organizá-la. Para organizar um casamento é preciso no mínimo muita disciplina para cumprir prazos, paciência para lidar com fornecedores e imaginação para sair do lugar comum e fazer uma festa realmente especial. Afinal, vocês merecem uma comemoração à altura do amor de vocês e de toda a beleza de começar uma nova vida a dois.

Antes de mais nada, é preciso lembrar que é essencial se informar com quem sabe, buscar informações em fontes confiáveis e pesquisar bastante sobre tudo: desde tendências em cores, decoração e bolos, por exemplo, até os melhores profissionais em cada área, como músicos, buffet, foto, vídeo e recepção. Algumas dicas ajudam bastante você a se organizar. Confira algumas que separamos para você:

Dicas para organizar um casamento sem esquecer de nada

1. Prazos e limites

Casar também envolve algumas burocracias. Então, mantenha o olho no calendário, principalmente se você vai fazer sua festa em um lugar público, como na praia, por exemplo: é preciso autorizações da Prefeitura, checar a viabilidade de fechamento de ruas para estacionamento ou a colocação de um guarda municipal organizando o trânsito.

Por outro lado, lembre-se de que as melhores igrejas são concorridas, por isso ela deve ser reservada com bastante antecedência. Marque um dia para ir conversar com o padre e saber tudo o que pode e o que não pode se feito na paróquia, já que em algumas as opções de serviços (flores, música, etc) são limitadas. Lembre-se também de que até para o casamento civil é preciso reservar horário, então vá ao cartório e informe-se sobre todo o procedimento.

2. Determine o orçamento

Toda noiva quer um casamento fantástico, mas não adianta nada gastar muito e depois passar o início da vida a dois apertados, cheios de dívidas. O casal deve decidir o quanto será possível gastar e se ater ao orçamento o máximo possível.

3. Decida o estilo e a hora da festa

O casamento é seu e você deve fazê-lo de acordo com o seu sonho, mas o ideal é que ele reflita o estilo dos noivos. Assim, resolva com seu noivo se a festa deverá ser clássica e elegante, descontraída e alegre, ter um ar romântico, esportivo, campestre ou praiano. De acordo com o estilo, escolha também a hora da cerimônia: casamentos mais informais costumam ser pela manhã e quanto mais à noite maior o grau de formalidade e sofisticação.

4. Faça a lista de convidados

Praticamente todo o resto vai depender da lista de convidados: do envio dos convites ao cálculo do buffet. Portanto, a lista deve ser fechada o mais cedo possível. Uma dica é fechar um número redondo, 150 pessoas, por exemplo, e dividi-la igualmente com o noivo. Isso é especialmente válido para quem está com o orçamento restrito.

5. Liste os serviços necessários

Buffet, fotógrafo, cinegrafista, maquiagem, vestido, sapatos, cabeleireiro, igreja, flores, bebidas, lembrancinhas, salão de festas, convites – muitos detalhes farão desse dia uma lembrança deliciosa não só para você, mas também para todos os seus convidados. Passe e repasse a lista para não esquecer de nada e aí sim, parta para a busca por fornecedores.

6. Lista de fornecedores

O ideal é que você encontre um site de casamentos que já tenha uma lista com os melhores profissionais de cada área. Procure os mais próximos da sua região, para evitar gastos com frete e hospedagem de profissionais, por exemplo, mas o essencial é pedir um portfólio dos trabalhos já realizados. No caso do buffet você deve fazer uma prova, tanto da parte salgada quanto da doce, assim como dos bolos. Além do formato e estilo, saber exatamente qual será o sabor também é muito importante. A dica é aproveitar as frutas da época que, além de mais docinhas, também saem mais em conta.

Encontre os fornecedores ideais para o seu casamento 

7. Decida o destino da lua de mel

Essa pode ser a viagem dos seus sonhos, afinal é a grande oportunidade de vocês dois estarem de dispensa do trabalho e fugirem para qualquer lugar do mundo. Mas para não ter surpresas desagradáveis, faça as reservas com antecedência, assim como a compra das passagens. Deixar para em cima da hora pode gerardores de cabeça. Não esqueça de checar a validade dos passaportes se a viagem for internacional.

8. Vestido, buquet e roupa das daminhas e madrinhas

O vestido de noiva e a roupa das daminhas e dos pajens devem ser escolhidos cerca de seis meses antes do casamento. A última prova do seu vestido, no entanto, deve ser com aproximadamente 10 dias de antecedência, porque há o risco de você ganhar ou perder peso de acordo com a sua ansiedade e a proximidade da festa. Não esqueça também de definir a roupa das madrinhas e padrinhos, se combinarão em cor ou algum outro detalhe.

Claro, casar dá trabalho, mas provavelmente será um dos trabalhos mais gostosos da sua vida. O importante é você se cercar dos melhores profissionais e prestar bastante atenção nos detalhes, porque são eles que fazem toda a diferença – assim como os detalhes que compõem a vida do casal para torna-la tão especial. Então mãos à obra e prepare-se para ser feliz!

 

| 06/02/2015