Como planejar as despesas do casamento?

Não são poucas as mulheres que, desde crianças, sonham com o dia do seu casamento. O cenário imaginado é digno de um conto de fadas: um vestido belíssimo, um local espetacular e uma decoração de tirar o fôlego. Na hora de idealizar, é tudo muito bonito e fácil, não é mesmo?

 

Mesmo que seja realizada de forma simples, a cerimônia demanda inúmeros gastos, o que exige uma boa organização por parte do casal. Caso ela não exista, o que era para ser uma data especial se transforma em um pesadelo de investimentos mal planejados – e prejuízos. E isso, claro, ninguém quer!

 

Confira as dicas que selecionamos para planejar financeiramente o seu casamento e tornar esse dia especial e sem dor de cabeça, como tem que ser.

 

despesas do casamento

 

Invista em uma assessoria

Muitos noivos não têm tempo – ou mesmo jeito – para tomar as rédeas da organização do casório. Se este for o caso, prepare-­se para investir em uma assessoria especializada. O investimento varia de acordo com o pacote oferecido pela empresa, que pode ir desde a organização integral do evento a apenas uma parte dele, como recepção ou celebração religiosa. Muitas das vezes, uma ajuda especializada pode auxiliar, inclusive, a gastar apenas o possível, não extrapolando as contas.

 

 

Cerimônia e a recepção: fique atento aos locais

Vai casar na igreja? Ou fará uma celebração ecumênica, em uma tenda na praia? Independentemente da sua opção, é preciso ter em mente as despesas com o local em que será realizado seu casamento. E claro, existe a “dobradinha”: cerimônia + recepção. Então, dependendo do lugar que você escolher, esteja reparado para arcar com o custo de dois lugares. Outro lembrete importante: os locais mais concorridos e famosos das cidades têm agendas cheias e, financeiramente, valem o quanto pesam em fama.

 

 

De olho nos fornecedores

Músicos, florista, fotógrafo, decorador, cabeleireiro, maquiador e empresa de aluguel de carro: estes são alguns dos principais fornecedores necessários para o seu casamento. Como já dissemos, ainda que sua ideia seja fazer o evento mais simples possível, esteja preparado para gastar mais que o desejado. Por este motivo é tão importante que, aproximadamente dez meses antes do casório, você solicite orçamentos e coloque os valores na sua planilha de planejamento.

 

 

E a comida?

Muitos locais para recepção incluem o serviço de buffet no valor do aluguel. Se este não for seu caso, lembre­-se de contar com este item – essencial para o sucesso de qualquer festa – no seu orçamento. A maioria cobra por pessoa, então a conta final depende do número de convidados e dos pratos e bebidas escolhidos. Algumas bebidas alcoólicas não estão incluídas no valor. Fique atento.

Ah! E não esqueça de incluir no seu orçamento: o bolo e os docinhos. Uma mesa de doces faz toda a diferença!

 

 

Detalhes importantes: os custos dos trajes, acessórios e buquês

Enquanto a grande maioria dos noivos opta pelo aluguel do traje, as noivas normalmente gostam de uma peça para chamar de sua. Um ponto importante: quanto mais exclusivo for o vestido, mais caro o seu preço. Os trajes das damas de honra e pajens (se o casamento for contar com estes integrantes), assim como os buquês necessários e os demais acessórios não são detalhes que você “pode deixar para a última hora”. A despesa com estas peças é bastante significativa. Conte com ela desde o começo!

 

 

Os custos com os convites: programe-se

Não se esqueça de reservar a quantia referente aos convites e ao serviço de caligrafia. Pense também se gostaria de enviar um “Save the Date” impresso para seus convidados. Espécie de pré-­convite, ele é enviado de 4 a 6 meses antes do evento para que seus amigos e familiares se programem para a data. Uma forma moderna e mais econômica: save the date digital! Envie por e­-mail ou onde preferir!

 

 

As famosas lembrancinhas

As lembrancinhas do seu casamento (muitas vezes são utilizados os doces “bem-­casados”) são outro item que certamente consta na planilha de qualquer casamento. Que tal inovar e investir em algo feito pelos noivos? Você encontra muitos DIY na internet, que podem se tornar lembrancinhas mais interessantes e econômicas. Pesquise! Calcule a quantidade necessária e preveja no orçamento um valor para uma quantidade extra, caso seja preciso.

 

Como você pode ver, são muitas as despesas com a ocasião! Cerca de um ano antes da cerimônia, prepare­-se para fazer uma reserva financeira para o evento. O cálculo do seu orçamento deve considerar quais são os recursos disponíveis (sua renda, a renda do seu noivo (a), e, se for o caso, dos seus pais e futuros sogros). É importante estabelecer também uma meta de poupança mensal para os gastos com a festa. Mais que promover um evento grandioso, o importante é começar a vida a dois sem estourar o orçamento!

 

Gostou das dicas? Conheça o Organizze, nossa ferramenta pode ajudar você nesse momento tão especial da sua vida!

 

 Suas finanças sempre em dia. Menos preocupações com suas finanças. Mais tempo para curtir sua vida.