Assuntos diversos

Quem disse que os dois criados-mudos do seu quarto precisam ser iguais?

Casais andam junto pois gostam de compartilhar afinidades. Mas nem por isto seu criado-mudo ao lado da cama precisa combinar. Entenda isto.

Quando duas almas parceiras resolvem ficar juntas é pura sintonia. Mas, apesar delas compartilharem muitas afinidades, não quer dizer que tenham que ser idênticas em suas escolhas. Afinal, elas não são gêmeas, apenas se completam. 

Por isso, é aceitável que tomem, em determinados momentos, decisões diferentes. Isto também vale para os seus pertences. Um casal pode adquirir, cada qual, um tipo de criado-mudo.

Enfim, o que queremos dizer é que a decoração do seu quarto não precisa ser simétrica. Ou seja, o seu lado da cama não precisa combinar com o do seu parceiro, como se fosse um espelho. Prova disto são os exemplos que trouxemos para este texto. Continue acompanhando este post para saber mais.


Angela Chinasso

O princípio da gangorra

Imagine que a cama é o centro do seu quarto. Agora trace, mentalmente, uma linha dividindo o móvel e que de cada lado é colocado um criado-mudo. Pois bem, para que a cena fique equilibrada, a melhor solução é adotar a simetria. 

Então, você coloca o mesmo modelo de mesa de cabeceira em ambos os lados. Mas será que esta seria a única opção? Claro que não.

Existe uma teoria que os decoradores apelidaram de “princípio da gangorra” – remetendo às gangorras das pracinhas, destinadas às brincadeiras de crianças. A ideia é o seguinte: conseguir encontrar uma combinação equilibrada, contudo com objetos diferentes. E existem duas formas de se obter isto: ou pela assimetria ou pela equivalência ótica. Se você não entendeu isto, não se preocupe, pois vamos explicar melhor no tópico seguinte.


Triplex Arquitetura

PAGAMA arquitetura + design

Relação peso e proporção

Sabia que cada objeto possui um “peso visual”? Pense em dois objetos iguais, só que um na cor preta ou no escuro e outro na cor branca ou sob a luz. Agora em dois objetos iguais, só que em tamanhos diferentes. 

O em preto e maior “pesa” ao seu olhar mais do que um em branco e menor. Por isto, ao escolher duas peças diferentes de criado-mudo você precisará pensar na relação entre estes móveis na decoração do quarto.

Ao agrupar a cama a estes dois móveis, você poderá obter impressões diferentes do ambiente. Eis a questão: o que atrai mais o olhar? Será que esta combinação é mesmo equilibrada? 

Dois criados equivalentes em peso e proporção equilibram-se quando se encontram a mesma distância do eixo da linha imaginária. Já dois criados de pesos e proporções diferentes só equilibram-se quando o maior ou pesado está mais perto do eixo.


Red Square Arquitetura

Opções de casamento entre criados-mudos diferentes

Agora, vamos entender, enfim, como combinar criados-mudos diferentes. Primeiro, vamos falar quando dois criados possuem características bastante semelhantes. 

Esta solução é perfeita para decorações de caráter mais formal ou luxuoso. O equilíbrio, neste caso pode ser obtido pela distância igual que as peças fazem da cama e também da utilização dos mesmos adornos na parte superior – como um abajur.

Agora, você pode ter dois criados diferentes e, ainda por cima, um grupo variado de acessórios. Não tem problema. 

O equilíbrio assimétrico, como dito antes, é possível. De um lado, por exemplo, você pode ter um criado mais alto. E de outro, para contrabalançar, um criado com um ornamento tão ou mais alto, como um vaso com arranjo. Outra ideia é aproximar um quadro na parede atrás da cama para o lado mais perto do criado menor.


Tetriz Arquitetura e Interiores

Antônio Ferreira Junior e Mário Celso Bernardes

O equilíbrio ótico é, teoricamente, ainda mais fácil de estabelecer, porém o mais difícil de perceber nos exemplos de projetos aqui apresentados. 

Tentando explicar da forma mais simples possível, trata-se de um equilíbrio obtido pela soma dos objetos colocados de cada lado da cama. Isto inclui mais do que os criados, mas itens na parede, sobre as mesinhas, e até sobre a cama – como travesseiros e almofadas.


Shiroma e Montemór Colab Decor

Roberta Trida

Enfim, tenha em mente que você e o seu par podem ter criados-mudos diferentes no quarto. Você pode adotar modelos de linhas diferentes, um redondo e outro quadrado. Com fechamentos diferentes, um vazado e outro com portas ou gavetas. 

Um em formato de mesinha e outro tendo uma cômoda ou penteadeira no lugar. Um de piso e outro fixado na parede. E um acompanhado de luminária de mesa e outro de luminária pendente. Escolha.

Use seu bom gosto e faça a melhor escolha!


Dirlene Serrano

Luciana Hara Arquitetura

Essas dicas de decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.

| 22/06/2020