Assuntos diversos

Decoração de quarto de bebê: descubra o que os jovens pais tem preferido para os seus filhos

A contemporaneidade está nos fazendo enxergar um mundo novo, de novas necessidades e possibilidades, incluindo para quarto de bebê. Saiba+.

Os jovens pais de hoje são mais descolados e de mente aberta, apreciam novas ideias e aceitam melhor as diferentes tendências de decoração. 

Eles já não pensam mais em criar uma ambientação de quarto de bebê totalmente desconexa do restante da casa, pelo contrário. E, além disso, acreditam na personalização de ambientes infantis adequada, visando um propósito maior, seja a função ou a estética em primeiro lugar.

Meraki | Engenharia e Arquitetura

Aliás, os jovens pais de hoje também questionam mais a forma de educar os filhos e utilizam bons ensinamentos pedagógicos para ajudar no desenvolvimento dos pequenos. 

Um exemplo é método montessoriano, que diz que as crianças podem se sair melhor em atividades motoras e cognitivas em ambientes com mais cor e movimento. E certos objetos colocados ao alcance de suas mãos ainda lhes ensinaram a serem mais independentes.

Acontece que o quarto de uma criança é o primeiro local do mundo que ela irá conhecer. Então, é mesmo importante que o visual deste cômodo seja bem trabalhado. Neste texto, vamos ver as novas tendências de decoração para quarto de bebê que estão dando o que falar.

Olívia Vianna

Mais cor, por favor

A primeira coisa que podemos falar dos novos quartos de bebê é quanto às suas cores. Aquele velho padrão de decorar em tons pastel, como rosa e azul claro, parece já estar ultrapassado. 

Agora, a preferência dos pais têm sido ambientar estes cômodos com elementos em cores diferentes, em tons fracos e fortes também. Inclusive, pode-se ver, nas lojas, berços em preto, azul ciano e até amarelo ouro. É uma verdadeira revolução.

Nesta linha, é possível ver exemplos de decorações de quarto de bebê em muitos estilos modernos diferentes. Por exemplo, cômodos em linhas mais clean; com características industriais ou mais voltadas ao passado – chamados de retrô -; e também os apelidados de “candy color”. Todos apresentam em comum a cor em abundância. E engana-se quem pensa que eles são carregados no visual ou possam deixar as crianças hiperativas demais.

Studio Novak

Estampas geométricas

No passado, não se cogitava decorar um ambiente infantil que não fosse com elementos em estampas bem delicadas – geralmente retratando crianças, animais e flores. Mas as novas propostas dão uma perspectiva diferente para a personalização destes cômodos. 

Sobretudo pensando na adaptação destes espaços para futuras fases da vida das crianças, hoje em dia, prefere-se apostar em estampas diferentes, mais neutras para o seu quarto.

Vamos tomar como exemplo os papéis de parede. Agora, as novas opções para o de quarto de bebê seguem uma linha diferenciada.

A maior aposta do momento são os desenhos geométricos – como triângulos e bolinhas – ou mesmo os desenhos em zigue zague – chamados pelos profissionais de chevron. Fora estes, ainda devemos citar os que imitam materiais como tijolinho e madeira, colocados de pano de fundo para os berços.

Quattrino Arquitetura
Paula Carvalho

Materiais alternativos

Há novas alternativas também para os móveis dos quartos de bebês. Além das peças feitas em madeira maciça, têm-se muitas boas opções em aglomerados de madeira, tipo o MDF. 

Os mesmos são mais leves e resistentes, podendo ser montados e transportados mais facilmente, simplificando a vida dos pais. E estão de volta no mercado alguns itens feitos em tubos metálicos – como é o caso dos berços em estilo vintage.

A.M Studio Arquitetura e Revista Viva Decora

Adaptações de móveis e peças multiusos

Sabe-se que as crianças não ficam muito tempo como bebês. Obviamente, elas crescem. E, depois de um tempo, é preciso adequar os seus quartos para novas preferências e necessidades.

Pensando nisso, e visando poupar recursos financeiros e da natureza, os jovens pais logo dão prioridade àqueles modelos de móveis que apresentam multifunções. Ou àqueles móveis que podem ser transformados, ganhando novas formas, juntamente de novas utilidades – como é o caso dos berços trocadores que viram escrivaninhas.

E não podemos terminar este texto sem citar um detalhe bem curioso destas novas propostas de decoração. É que, em alguns casos, são utilizados alguns móveis bem mais inusitados, que, a princípio, não se encaixariam com esta ideia de composição de quartos de bebê.

Por exemplo, uma poltrona comum como poltrona de amamentação, um aparador com gavetas como trocador, ou um balcão buffet como cômoda.

A.M Studio Arquitetura
Revista Viva Decora

Personagens engraçados

Certamente, a alegria sempre está presente em decorações de quarto de bebê. Agora, mais ainda. É que as tecnologias evoluíram e permitiram que muita coisa fosse fabricada, como peças de decoração com a cara dos personagens mais engraçados do mundo infantil. 

Uma forte tendência é a de dar à almofadas, adesivos de paredes, banquinhos, tapetes, móbiles o formato de carrinhos, princesas e super-heróis de animes e desenhos.

Então, o que achou de todas estas ideias apresentadas? Inspire-se em tudo que foi dito e mostrado neste texto e comece a pensar numa decoração bem diferente para o quarto de bebê de seu filho ou filha.

Essas dicas de decoração para quarto de bebe foram criadas pela equipe Viva Decora.

| 22/12/2020